Fatwa Diário (170)


P: Um homem muçulmano rico e de boa saúde. Infelizmente, um dos intelectuais alegou que é permitido que ele não jejue e em contrapartida alimente várias pessoas pobres a cada dia, alegando que ALLAH não precisa de seu jejum – Será isso correcto?

R: Quem deu este fatwa àquele rico errou; Só pode se tratar de um ignorante ousado, ou um arrogante e intrigado, pois não é permitido quebrar o jejum durante o dia do Ramadhan, exceto por um causa legítima. como doenças, viagens e outras causas legítimas.

ALLAH diz: {O mês de Ramadan foi o mês em que foi revelado o Qur’an, orientação para a humanidade e vidência de orientação e Discernimento. Por conseguinte, quem de vós presenciar o novilúnio deste mês deverá jejuar; porém, quem se encontrar doente ou em viagem jejuará, depois, o mesmo número de dias} 185/2

Não é permitido alimentar no lugar do jejum, exceto para a pessoa doente ou idosa que não consegue jejuar e para quem os médicos anunciaram que não há esperança de recuperação.

{Fatwas do Comitê Permanente de Pesquisa Acadêmica e Iftá}